Exército simula ataques terroristas em Brasília

O Exército e integrantes das forças de segurança pública do Distrito Federal realizam operações que simulam diversas formas de ataques terroristas com vistas aos Jogos Olímpicos; além de militares, figurantes fazem as vezes de vítimas; a primeira simulação acontece no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, onde serão realizados dez partidas de futebol; está sendo feito um treinamento de evacuação de feridos, para coordenar os protocolos operacionais conjuntos em um quadro de acidente químico ou radiológico

O Exército e integrantes das forças de segurança pública do Distrito Federal realizam operações que simulam diversas formas de ataques terroristas com vistas aos Jogos Olímpicos; além de militares, figurantes fazem as vezes de vítimas; a primeira simulação acontece no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, onde serão realizados dez partidas de futebol; está sendo feito um treinamento de evacuação de feridos, para coordenar os protocolos operacionais conjuntos em um quadro de acidente químico ou radiológico
O Exército e integrantes das forças de segurança pública do Distrito Federal realizam operações que simulam diversas formas de ataques terroristas com vistas aos Jogos Olímpicos; além de militares, figurantes fazem as vezes de vítimas; a primeira simulação acontece no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, onde serão realizados dez partidas de futebol; está sendo feito um treinamento de evacuação de feridos, para coordenar os protocolos operacionais conjuntos em um quadro de acidente químico ou radiológico (Foto: Leonardo Lucena)

Brasília 247 - O Exército e integrantes das forças de segurança pública do Distrito Federal realizam operações que simulam diversas formas de ataques terroristas com vistas aos Jogos Olímpicos. Além de militares, figurantes fazem as vezes de vítimas.

A primeira simulação acontece no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, onde serão realizadas dez partidas de futebol. Na manhã desta quinta-feira (28), está sendo feito um treinamento de evacuação de feridos, para coordenar os protocolos operacionais conjuntos em um quadro de acidente químico ou radiológico.

De acordo com a simulação, após a ocorrência de uma explosão, cada agência, de forma integrada, toma os procedimentos de acolhimento, triagem, descontaminação e evacuação dos feridos, obedecendo aos protocolos já estabelecidos. 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247