Gleisi: enquanto o povo passa fome, Bolsonaro usa dinheiro para comprar votos no Congresso

“Mas não era nova política? E o Brasil não estava quebrado?”, questionou a presidente do PT, a deputada federal Gleisi Hoffmann

(Foto: Agência Câmara)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A presidente do PT, a deputada federal Gleisi Hoffmann, destacou que “enquanto o povo passa fome sem auxílio emergencial”, Jair Bolsonaro “usa dinheiro público para comprar votos de deputados no candidato governista à presidência da Câmara”.

Nas redes sociais, nesta quinta-feira, 28, ela ainda destacou as incoerências dos argumentos usados por Bolsonaro nas eleições de 2018. “Mas não era nova política? E o Brasil não estava quebrado?”, questionou.

“Nem um, nem outro. Era fake! E ainda tem quem bata palmas”, exclamou.

O governo federal liberou R$ 3 bilhões em recursos extraordinários do Orçamento para 250 deputados e 35 senadores aplicarem em suas regiões, em troca de apoio aos candidatos do governo a presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

Assista o boletim sobre o assunto e se inscreva na TV 247:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email