Governo Bolsonaro exclui todos os cursos de humanas das bolsas de iniciação científica

O desmonte da ciência segue acelerado mesmo em meio à crise do coronavírus. O governo federal de Jair Bolsonaro excluiu todos os cursos de humanas do edital de bolsas de iniciação científica do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico)

www.brasil247.com -


247 - O governo federal nega a ciência em todos os níveis e para reforçar sua aposta no desmonte científico, excluiu todos os cursos de humanas para as bolsas de iniciação científica do CNPq. Com o novo modelo, estudantes de educação, direito, economia, ciências sociais e filosofia ficarão proibidos de acessar as 25 mil bolsas oferecidas pelo órgão federal.

O edital foi publicado no dia 23 de abril. A nova política de concessão de bolsas para pesquisa nos cursos de graduação terá vigência de agosto deste ano a junho de 2021.

A reportagem do jornal Folha de S. Paulo destaca que “a diretriz da órgão de fomento de pesquisa atenda uma portaria que priorizou as áreas tecnológicas em detrimento de humanidades e ciências básicas, como matemática pura e física teórica. Essa medida foi publicada em março pelo MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações). O CNPq está submetido à pasta.”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A matéria ainda informa que “todas as linhas de incentivo à pesquisa --de iniciação científica, mestrados, doutorados ou financiamento de projetos-- devem seguir essa orientação. Após a repercussão, humanidades e ciências básicas foram parcialmente restabelecidas, mas apenas como subsidiárias às tecnológicas.”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email