Greenwald: Moro cria clima de ameaça à imprensa

O jornalista Glenn Greenwald, um dos fundadores do site The Intercept Brasil, afirmou no Senado que o ministro Sérgio Moro (Justiça) cria no País um clima de ameaça a imprensa porque não esclarece as notícias de que o próprio norte-americano está sendo alvo de investigação da PF; "Ele quer que pelo menos fiquemos com medo de estarmos sendo investigados", disse

(Foto: PT na Câmara)

247 - O jornalista Glenn Greenwald, um dos fundadores do site The Intercpet Brasil, afirmou nesta quinta-feira (11) no Senado que o ministro Sergio Moro (Justiça) cria no país um clima de ameaça a imprensa porque não esclarece as notícias de que no próprio norte-americano está sendo alvo de investigação pela Polícia Federal.

"Sergio Moro foi perguntado várias vezes no Senado, na Câmara e por muitos jornais se ele está nos investigando ou tem planos de fazer algo contra nós, e ele nunca negou, do dia em que a notícia saiu até hoje, a investigação. Ele quer que pelo menos fiquemos com medo de estarmos sendo investigados", disse o jornalista em sua fala inicial na audiência pública na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça).

O Intercept vem revelando um conluio entre Moro e procuradores da Operação Lava Jato. Ele extrapolou suas funções quando era juiz, ao interferir no trabalho do Ministério Público Federal (MPF-PR), sugerindo acréscimo de informações em produção de provas, questionando a capacidade de procurador (a) em interrogar investigado e orientando a ordem das fases das operações.

O jornalista negou ter financiamento de qualquer partido. "Não estamos defendendo um político. Nossa causa não é 'Lula livre', nossa causa não é destruir o governo Bolsonaro, não é defender um partido e prejudicar outro. Nosso jornalismo é sobre defender princípios que não têm nada a ver com ideologia nenhuma", afirmou o jornalista.

"Estamos defendendo os princípios fundamentais para a democracia, [que são] a imprensa livre, o fato de que pessoas com poder político precisam [ter] transparência, e não podemos ter um processo legal sem um juiz imparcial. Esses princípios são os princípios que estão governando o jornalismo que estamos fazendo e que vamos continuar a fazer", complementou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247