Irmão do ministro da Educação espalha fake news sobre Soros e Jean Wyllys

Incomodado com o anúncio de que o ex-deputado Jean Wyllys irá lecionar em Harvard, Arthur Weintraub disse que o bilionário George Soros estaria financiando a pesquisa de Wyllys. "O bilionário globalista quer mandar nos países, e em certa medida já o faz. Mas fiquem frios, isso é só teoria da conspiração", disse o irmão do ministro Abraham Weintraub

247 - Incomodado com o anúncio do ex-deputado Jean Wyllys (PSOL) de que iá lecionar no Afro-Latin Research Institute, da Universidade Harvard, o assessor de Jair Bolsonaro Arthur Weintraub, irmão do ministro da Educação, Abraham Weintraub, divulgou uma fake news contra Wyllys. 

"Soros, sempre esse cara. Sua fundação pagando pesquisa do jw (harvard...). O bilionário globalista quer mandar nos países, e em certa medida já o faz. Mas fiquem frios, isso é só teoria da conspiração", escreveu Waintraub, ao compartilhar link de um site chamado Renova News. 

Jean Wyllys irá se dedicar ao estudo das fake news e como enfrentar os discursos de ódio disseminados pelas notícias falsas na internet. O ex-deputado foi uma das maiores vítimas das fake news no Brasil.  Primeiro parlamentar homossexual a defender a causa LGBT, ele foi  associado a absurdos como o incentivo a pedofilia e ao incesto. Passou a  ser alvo de agressões verbais e físicas nas ruas e até dentro da Câmara  dos Deputados (leia mais no Brasil 247).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247