Mané Garrincha tem recorde de público e renda

É o que apontam os dados financeiros publicados pela CBF; segundo o levantamento, as partidas do Campeonato Brasileiro levaram 368.727 torcedores ao Estádio Nacional de Brasília, com renda de R$ 25.638.225, o que representa uma média de público por partida de 36.873, a maior do Brasileirão, e arrecadação média de R$ 2.563.822, outro recorde

Brasilia, DF, Brasil, dd-mm-2013:     . (Foto: Lula Marques)
Brasilia, DF, Brasil, dd-mm-2013: . (Foto: Lula Marques) (Foto: Leonardo Lucena)

Da ComCop - A estreia do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha não poderia ter sido melhor no calendário esportivo nacional. Inaugurada em maio de 2013, a arena multiuso brasiliense recebeu dez jogos do principal torneio de futebol do país, o Brasileirão. E, proporcionalmente ao número de partidas, encerrou a competição na liderança de público e renda, deixando para trás estádios em cidades com torcidas centenárias.

As partidas do Campeonato Brasileiro levaram 368.727 torcedores ao Mané Garrincha, com renda de R$ 25.638.225. Isso significa uma média de público por partida de 36.873, a maior do Brasileirão, e arrecadação média de R$ 2.563.822, também um recorde. Os dados constam dos borderôs financeiros publicados pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Em números absolutos, o Maracanã lidera o ranking dos estádios no Brasileirão. O estádio carioca recebeu 44 partidas da competição, com público total de 1.158.838 pessoas, e arrecadação de R$ 29.766.284. Porém, a média de torcedores por jogo foi de 26.337, e a de renda ficou em R$ 676.506,45.

Para o secretário Extraordinário da Copa, Claudio Monteiro, os números traduzem uma realidade esquecida por muitos que criticaram a construção do estádio: "Brasília é a capital de todos os brasileiros. Aqui tem torcedor de todas as partes do Brasil e do mundo, já que temos aqui as representações diplomáticas de vários países".

Segunda casa - Monteiro destacou ainda a parceria feita com o Clube de Regatas do Flamengo, que elegeu Brasília sua segunda casa no Brasileirão e jogou oito vezes na arena brasiliense. Vasco e Botafogo também mandaram jogos no Mané Garrincha. O secretário antecipou que já existem conversas para a realização de oito partidas da competição para o segundo semestre de 2014, após a Copa do Mundo. "Temos um dos melhores estádios do mundo, temos torcida e temos renda. Qual o time que não quer jogar aqui?", destacou.

Futebol local – Palco da final do Campeonato Candango de 2013, o Mané Garrincha também receberá, este ano, as duas partidas finais do Candangão, nos dias 5 e 12 de abril. "Sabemos que o Mané Garrincha é o nosso melhor e maior estádio, um motivo de orgulho para a nossa cidade. Realizar a final do Candangão aqui, onde serão disputadas partidas da Copa do Mundo, já é um incentivo para qualquer clube", afirmou Josafá Dantas, presidente da Federação Brasiliense de Futebol.

2014 – Além das finais do Candangão, o Mané Garrincha receberá, no primeiro semestre deste ano, sete jogos da Copa do Mundo. A partida de estreia para os torcedores brasilienses será no dia 15 de junho, entre as equipes de Suíça e Equador. No dia 19 de junho, Colômbia e Costa do Marfim se enfrentam na arena brasiliense. Mas o grande momento para os torcedores será no dia 23 de junho, quando a Seleção Brasileira encara a equipe de Camarões.

As expectativas para um resultado positivo para o Brasil são grandes, uma vez que o gramado do Mané deu sorte para a nossa seleção em 2013. Foram dois jogos e duas vitórias. Foi aqui em Brasília que o Brasil começou a campanha vitoriosa na abertura da Copa das Confederações.

Encerrando os jogos da primeira fase em Brasília, Portugal e Gana se confrontam no dia 26 de junho. Terminada a primeira fase da Copa, a bola volta a rolar no gramado do Mané Garrincha no dia 30 de junho, pelas oitavas de final. Na ocasião, se enfrentarão o primeiro colocado do Grupo E (que pode ser Suíça, Equador, França ou Honduras) e o segundo colocado do grupo F (Argentina, Bósnia, Irã ou Nigéria). No dia 5 de julho, Brasília recebe um jogo das quartas de final e, no dia 12 de julho, a disputa do terceiro lugar.

Shows – Não será apenas a bola que vai rolar no Mané Garrincha em 2014. A arena multiuso, que no ano passado recebeu as estrelas internacionais Beyoncé e Aerosmith, em shows que marcaram a história da cidade e colocaram a capital na rota dos grandes eventos internacionais, também terá agenda movimentada. Segundo o secretário Claudio Monteiro, duas estrelas internacionais já mostraram interesse em se apresentar no Mané este ano.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247