Manifestantes pedem tarifa zero para DF e entorno

Movimento Passe Livre faz ato público na Rodoviária do Plano Piloto, nesta sexta-feira (6) às 16h; a organização propõe a estatização dos serviços de transporte e prepara um projeto de lei que será divulgado em breve

Movimento Passe Livre faz ato público na Rodoviária do Plano Piloto, nesta sexta-feira (6) às 16h; a organização propõe a estatização dos serviços de transporte e prepara um projeto de lei que será divulgado em breve
Movimento Passe Livre faz ato público na Rodoviária do Plano Piloto, nesta sexta-feira (6) às 16h; a organização propõe a estatização dos serviços de transporte e prepara um projeto de lei que será divulgado em breve (Foto: Leonardo Araújo)

Brasília 247 - Integrantes do Movimento Passe Livre - Distrito Fedral (MPL-DF) preparam ato público na Rodoviária do Plano Piloto, programado para esta sexta-feira (6) às 16h. O objetivo é mobilizar a população em torno da proposta da Tarifa Zero, projeto que abrangeria todo o DF, além de Goiás e Minas Gerais.

A solução defendida pelo MPL-DF prevê a implantação de um mecanismo interestadual ou metropolitano, por meio de consórcio interestadual, quer seria a instituição responsável pela gestão do serviço. Já o financimaento ficaria por conta de um fundo de transporte a ser instituído, composto por recursos do orçamento local, federal e interestadual ou por meio de impostos progressivos a serem criados. O modelo de gestão seria participativo, com conselho de usuários. Com a tarifa zero, o transporte seria oferecido por empresas públicas. "A tarifa zero garante que todos possam se locomover pelas cidades sem custo, facilitando o acesso a outros direitos e necessidades, como a saúde, a educação e o lazer", diz o material de divulgação do movimento. O MPL-DF prepara um projeto de lei, que será divulgado em breve.

Saiba mais 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247