Manifestantes pró e contra Lula entram em confronto

Vestidos de vermelho e portando bandeiras de apoio ao PT, centenas de manifestantes favoráveis ao governo da presidenta Dilma e à posse do ex-presidente Lula como ministro da Casa Civil se reúnem em frente ao Palácio do Planalto; um grupo contrário ao governo e ao partido também começou a se reunir logo cedo em frente ao Congresso Nacional; grupos pró e contra o governo Dilam entraram em confronto; a PM usou spray de pimenta; um representante de cada grupo foi detido por policiais e levados para a 5ª Delegacia de Polícia (área central); manifestantes furaram bloqueio; clima ficou tenso

Vestidos de vermelho e portando bandeiras de apoio ao PT, centenas de manifestantes favoráveis ao governo da presidenta Dilma e à posse do ex-presidente Lula como ministro da Casa Civil se reúnem em frente ao Palácio do Planalto; um grupo contrário ao governo e ao partido também começou a se reunir logo cedo em frente ao Congresso Nacional; grupos pró e contra o governo Dilam entraram em confronto; a PM usou spray de pimenta; um representante de cada grupo foi detido por policiais e levados para a 5ª Delegacia de Polícia (área central); manifestantes furaram bloqueio; clima ficou tenso
Vestidos de vermelho e portando bandeiras de apoio ao PT, centenas de manifestantes favoráveis ao governo da presidenta Dilma e à posse do ex-presidente Lula como ministro da Casa Civil se reúnem em frente ao Palácio do Planalto; um grupo contrário ao governo e ao partido também começou a se reunir logo cedo em frente ao Congresso Nacional; grupos pró e contra o governo Dilam entraram em confronto; a PM usou spray de pimenta; um representante de cada grupo foi detido por policiais e levados para a 5ª Delegacia de Polícia (área central); manifestantes furaram bloqueio; clima ficou tenso (Foto: Leonardo Lucena)

Paula Laboissière e Felipe Pontes - Repórteres da Agência Brasil

Manifestantes contrários e favoráveis ao governo da presidenta Dilma Rousseff entraram em confronto há pouco em frente ao Palácio do Planalto. A Polícia Militar do Distrito Federal reestabeleceu a ordem no local. Pelo menos três pessoas foram presas.

Homens do batalhão de Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas fizeram um cordão de isolamento na pista de acesso ao Palácio do Planalto no intuito de separar os grupos. Dezenas de viaturas foram posicionadas em um dos canteiros próximos ao Congresso Nacional caso haja necessidade de uma nova intervenção.

"Respeitamos a manifestação do último domingo e também queremos respeito. Estamos manifestando pelo Estado Democrático de Direito. O certo é que quem é contrário ao governo fique a cinco quilômetros de distância e não aqui, na frente do Palácio do Planalto", disse o professor Eduardo Natedi, vestido de vermelho.

"Hoje está provado que o Partido dos Trabalhadores tomou o poder para um projeto criminoso. Não tem mais jeito. Pessoas que já foram do partido não o defendem mais. Queremos mostrar que o que começou ontem não pode continuar. O Lula não pode ser ministro e a Dilma não pode seguir", disse Margarida Trindade, aposentada, vestida de preto, como grande parte dos manifestantes contrários ao governo. 

Leia outra reportagem da ABR sobre o assunto:

Manifestantes furam bloqueio e se aproximam do Planalto; PM usa spray de pimenta

Paula Laboissière – Repórteres da Agência Brasil

Manifestantes a favor do governo Dilma Rousseff furaram o bloqueio da Polícia Militar, atravessaram a pista e se aproximaram da rampa de acesso ao Palácio do Planalto, onde ocorreu a cerimônia de posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no cargo de ministro-chefe da Casa Civil.

Em meio à confusão, a Polícia Militar usou spray de pimenta para tentar conter os manifestantes. Homens da cavalaria da PM foram acionados.

Parlamentares que saíam da cerimônia de posse no Palácio foram xingados por um pequeno grupo de manifestantes contrários ao governo que também conseguiu se aproximar da rampa.

Um grupo de policiais faz um cordão de isolamento para separar os dois grupos.

 

Conheça a TV 247

Mais de Brasília

Ao vivo na TV 247 Youtube 247