Margaridas pedem cabeça de Cunha e protestam contra impeachment

Marcha das Margaridas chegou à Esplanada dos Ministérios e ao Congresso Nacional na manhã desta quarta-feira aos gritos de "Fora, Cunha" e protestando contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff; segundo a Polícia Militar, 30 mil pessoas participam da manifestação; segundo a Contag, que organiza o evento, há 70 mil participantes

Marcha das Margaridas chegou à Esplanada dos Ministérios e ao Congresso Nacional na manhã desta quarta-feira aos gritos de "Fora, Cunha" e protestando contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff; segundo a Polícia Militar, 30 mil pessoas participam da manifestação; segundo a Contag, que organiza o evento, há 70 mil participantes
Marcha das Margaridas chegou à Esplanada dos Ministérios e ao Congresso Nacional na manhã desta quarta-feira aos gritos de "Fora, Cunha" e protestando contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff; segundo a Polícia Militar, 30 mil pessoas participam da manifestação; segundo a Contag, que organiza o evento, há 70 mil participantes (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Brasília 247 - As manifestantes que participam da Marcha das Margaridas na manhã desta quarta-feira 12 pedem a cabeça do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e viram as costas para o Congresso Nacional, contra projetos como a ampliação da terceirização.

O ato, que teve a participação do ex-presidente Lula na noite de ontem, também protesta contra as tentativas de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Ela estará no encerramento do evento na tarde desta quarta, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

As mulheres chegaram à Esplanada dos Ministérios e ao Congresso Nacional aos gritos de "Fora, Cunha". Uma manifestante cantava de um carro de som: "Marcha, mulher, marcha / molha os pés mas não faz a unha / viemos de todo o Brasil / pedir a cabeça do Cunha".

Segundo a Polícia Militar, 30 mil pessoas participam da manifestação. De acordo com a Contag, que organiza o evento, há 70 mil participantes.

Abaixo, reportagem da Agência Brasil sobre a marcha:

Marcha das Margaridas chega à Esplanada dos Ministérios

Luana Lourenço – A Marcha das Margaridas iniciou por volta das 8h30, caminhada em direção à Esplanada dos Ministérios. A mobilização das trabalhadoreas rurais saiu do Estádio Nacional Mané Garrincha e vai seguir até o Congresso Nacional, em um percurso de cerca de 5 km. De acordo com Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), que é a entidade organizadora do evento, 70 mil pessoas participam da marcha. A Polícia Militar ainda não informou a estimativa de público.

Neste ano, a 5ª edição da Marcha das Margaridas tem como tema "Margaridas seguem em marcha pelo desenvolvimento sustentável com democracia, justiça autonomia, liberdade e igualdade". Além de reivindicações históricas como agilidade na reforma agrária e igualdade de direitos, as manifestantes também pedem reforma política e até a saída do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, ao entoarem nos carros de som: "Marcha mulherada! Sua bandeira na mão empunha. Viemos de todo canto, botar pra fora Eduardo Cunha".

Além das trabalhadoras rurais, a marcha também tem participação de centrais sindicais e outros movimentos sociais. Às 11horas, as margaridas serão homenageadas em sessão solene no Senado e às 15h encontrarão a presidenta Dilma Rousseff, que deve dar uma resposta ao movimento sobre a pauta de reivindicações entregue ao governo no início de julho.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email