OAB está a um passo de aderir ao Fora Temer

Embora tenha apoiado o golpe contra a presidente Dilma Rousseff, a Ordem dos Advogados do Brasil já se deu conta do desastre Michel Temer; "Já são expressivas as manifestações contra o governo de Michel Temer – uma administração que não ascendeu ao poder pelas urnas e, por isso, precisa conquistar legitimidade para suas ações", diz Claudio Lamachia, presidente da OAB; "Ao propor a PEC do teto de gastos, o governo decidiu cortar o investimento em áreas fundamentais como saúde e educação, que já estão sucateadas", diz ele, que também critica a reforma da Previdência; em seguida, ele afirma que "a Lei deve valer para todos"

Embora tenha apoiado o golpe contra a presidente Dilma Rousseff, a Ordem dos Advogados do Brasil já se deu conta do desastre Michel Temer; "Já são expressivas as manifestações contra o governo de Michel Temer – uma administração que não ascendeu ao poder pelas urnas e, por isso, precisa conquistar legitimidade para suas ações", diz Claudio Lamachia, presidente da OAB; "Ao propor a PEC do teto de gastos, o governo decidiu cortar o investimento em áreas fundamentais como saúde e educação, que já estão sucateadas", diz ele, que também critica a reforma da Previdência; em seguida, ele afirma que "a Lei deve valer para todos"
Embora tenha apoiado o golpe contra a presidente Dilma Rousseff, a Ordem dos Advogados do Brasil já se deu conta do desastre Michel Temer; "Já são expressivas as manifestações contra o governo de Michel Temer – uma administração que não ascendeu ao poder pelas urnas e, por isso, precisa conquistar legitimidade para suas ações", diz Claudio Lamachia, presidente da OAB; "Ao propor a PEC do teto de gastos, o governo decidiu cortar o investimento em áreas fundamentais como saúde e educação, que já estão sucateadas", diz ele, que também critica a reforma da Previdência; em seguida, ele afirma que "a Lei deve valer para todos" (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Sob a gestão de Claudio Lamachia, a Ordem dos Advogados do Brasil cometeu um grave erro histórico, ao apoiar o golpe contra a presidente Dilma Rousseff.

No entanto, em artigo publicado nesta segunda-feira, Lamachia sinaliza estar ciente do desastre produzido pelo golpe, com a administração Michel Temer.

"Já são expressivas as manifestações contra o governo de Michel Temer – uma administração que não ascendeu ao poder pelas urnas e, por isso, precisa conquistar legitimidade para suas ações", diz ele.

"Ao propor a PEC do teto de gastos, o governo decidiu cortar o investimento em áreas fundamentais como saúde e educação, que já estão sucateadas. Precisará, portanto, apresentar soluções a essas demandas sociais", prossegue.  "Do mesmo modo, será preciso tornar mais justa a proposta da reforma da Previdência. Da forma como está, o texto sugerido pelo governo federal extirpa as conquistas do sistema de seguridade e diminui as chances de os trabalhadores usufruírem do benefício pelo qual pagam ao longo da vida."

Em seguida, Lamachia afirma que a Lei deve valer para todos, o que significa que a entidade está a um passo de apoiar o Fora Temer.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email