Onyx: Governo estima cerca de 330 votos na Câmara a favor da Previdência

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que as contas do governo apontam para cerca de 330 votos favoráveis à reforma da Previdência na votação em plenário da Câmara dos Deputados; “É uma margem que a gente acredita ser possível”, disse ele após reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ)

(Foto: Alan Santos - PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

(Reuters) - O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou neste domingo que as contas do governo apontam para cerca de 330 votos favoráveis à reforma da Previdência na votação em plenário da Câmara dos Deputados.

“Tem um cálculo realista, com pé bem no chão, e a gente caminha para ter algo em torno de 330 (votos), que poderá ser até mais do que isso. É uma margem que a gente acredita ser possível”, disse ele após reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Por se tratar de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC), a reforma da Previdência precisa angariar o voto favorável de ao menos 308 dos 513 deputados, em dois turnos de votação.

O governo espera que a votação do texto ocorra na quarta-feira.

“A ideia é que já na terça-feira comece a tratar da reforma no plenário da Câmara. Isso nos daria a tarde/noite de terça e quarta inteira para que a gente possa ter todas as discussões e ter a votação em primeiro turno, se tudo correr bem, na quarta-feira”, disse Onyx a repórteres.

O ministro explicou que ainda haverá conversas com governadores no início da semana e que técnicos do governo estão analisando o que pode ser feito sobre os policiais e o que já está contemplado no texto aprovado pela comissão de especial.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email