Parecer do TCU sobre contas de Dilma é lido no Senado

O parecer do Tribunal de Contas da União (TCU), que recomenda a rejeição das contas do governo federal de 2014, foi lido no plenário do Senado nesta terça (20); o documento foi lido pelo senador Dário Berger (PSDB-SC), que presidia a sessão no momento; após a leitura em plenário, o parecer será enviado à Comissão Mista de Orçamento (CMO), que terá um prazo máximo de 77 dias para analisá-lo e devolve-lo ao Senado

O parecer do Tribunal de Contas da União (TCU), que recomenda a rejeição das contas do governo federal de 2014, foi lido no plenário do Senado nesta terça (20); o documento foi lido pelo senador Dário Berger (PSDB-SC), que presidia a sessão no momento; após a leitura em plenário, o parecer será enviado à Comissão Mista de Orçamento (CMO), que terá um prazo máximo de 77 dias para analisá-lo e devolve-lo ao Senado
O parecer do Tribunal de Contas da União (TCU), que recomenda a rejeição das contas do governo federal de 2014, foi lido no plenário do Senado nesta terça (20); o documento foi lido pelo senador Dário Berger (PSDB-SC), que presidia a sessão no momento; após a leitura em plenário, o parecer será enviado à Comissão Mista de Orçamento (CMO), que terá um prazo máximo de 77 dias para analisá-lo e devolve-lo ao Senado (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O parecer do Tribunal de Contas da União (TCU), que recomenda a rejeição das contas do governo federal de 2014, foi lido no plenário do Senado nesta terça-feira (20). O documento foi lido pelo senador Dário Berger (PSDB-SC), que presidia a sessão no momento.

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), informou que a análise do documento seguiria regras e prazos estipulados.

Após a leitura em plenário, Renan Calheiros enviará o parecer do TCU à Comissão Mista de Orçamento (CMO). A comissão é responsável por produzir e analisar um relatório, que será levado para votação no plenário, onde os parlamentares decidirão se aprovam ou rejeitam as contas de 2014 do governo.

De acordo com a Secretaria-Geral da Mesa do Senado, a comissão receberá os documentos nesta quarta-feira (21).

A partir do dia em que o parecer do TCU chegar à comissão, a CMO tem 40 dias para escolher um relator e para que ele apresente seu texto à comissão.

Em seguida, há 15 dias para que parlamentares apresentem emendas ao texto. Depois, o regimento prevê mais 15 dias para que o relator apresente um parecer considerando as emendas. Depois desse prazo, a comissão tem sete dias para votar o relatório a ser encaminhado ao plenário. Somados, esses prazos totalizam 77 dias.

Depois disso, a presidente da comissão tem cinco dias para enviar a matéria ao plenário – ela adiantou, entretanto, que não usará esse prazo e fará o encaminhamento assim que o texto for apreciado pela CMO.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email