Parlamentares repudiam invasão à embaixada venezuelana em Brasília

A invasão à embaixada venezuelana pode gerar uma crise diplomáticas sem precedentes, avalia a deputada Erika Kokay (PT-DF). O senador Humberto Costa (PT-PE) vê "constrangimento internacional". Confira outras reações

(Foto: PT na Câmara | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Vários parlamentares repudiam a invasão à embaixada venezuelana em Brasília (DF) por apoiadores de Juan Guaidó, autoproclamado presidente do país vizinho. De acordo com a deputada federal Erika Kokay (PT-DF), "o ato criminoso pode desencadear uma crise diplomática sem precedentes".

O senador Humberto Costa (PT-PE) afirma ser "muito grave a invasão da Embaixada da Venezuela durante a cúpula de chefes de Estado e de governo dos Brics". "O território venezuelano foi invadido sob as vistas do governo brasileiro para constrangimento internacional".

A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) afirma que os apoiadores de Guaidó promovem um "atentado à soberania e à democracia!".

Segundo a deputada Margarida Salomão (PT-MG), "os relatos dão conta de que uma milícia tomou a embaixada da Venezuela". "Tristes tempos para a América Latina, em que se incitam que militares conquistem o poder por meio de golpes.  Nosso repúdio à invasão e nossa solidariedade ao povo venezuelano".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247