PGR envia caso de Sara Winter para primeira instância

247 - Após o ministro Alexandre do Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), pedir para que o procurador-geral da República, Augusto Aras, tomasse providências cabíveis em relação aos ataques de Sara Winter, a Procuradoria-Geral da República (PGR) encaminhou o caso da ativista para a primeira instância na manhã da última sexta-feira (29). A informação é do jornal O Globo.

Os procuradores ouvidos pela reportagem do GLOBO disseram que há elementos para que sejam adotadas medidas cautelares contra a Sara Winter. Como a ativista não tem prerrogativa de foro no STF, cabe procurador Frederick Lustosa de Melo decidir quais medidas serão tomadas, uma vez que caso será analisado pelo Ministério Público Federal no Distrito Federal.

Sara Winter é alvo da Polícia Federal no âmbito do inquérito aberto no Supremo Tribunal Federal (STF) que apura fake news e ataques contra membros da Suprema Corte. A ativista ameaçou em vídeo o ministro Alexandre de Moraes. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio