Porta-voz da Presidência vai deixar a Secom

O Porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, não ficará mais subordinado à Secretaria de Comunicação, sob gestão de Fábio Wajngarten. Aliados de Bolsonaro criticavam Barros dizendo que a estratégia dele é ineficaz para melhorar a imagem do ocupante do Planalto

Otávio do Rêgo Barros
Otávio do Rêgo Barros (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

247 - O Porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, não ficará mais subordinado à Secretaria de Comunicação, sob gestão de Fábio Wajngarten. A informação é da Coluna do Estadão

A ideia é que o general e sua equipe continuem na Secretaria de Governo, que abriga a Secom, mas devem migrar para outra secretaria, como a executiva ou mesmo chefia de gabinete.

Aliados de Bolsonaro criticavam Barros dizendo que a estratégia dele é ineficaz para melhorar a imagem do ocupante do Planalto.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247