Relatório de Anastasia será a favor do golpe

Senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) prepara um relatório a favor da abertura do processo de impeachment de Dilma Rousseff; ele pretende rejeitar, por exemplo, o argumento do governo de que não houve irregularidade na "pedalada fiscal" com o atraso do repasse de R$ 3,5 bilhões do Tesouro ao Banco do Brasil para o Plano Safra; e também sobre o desvio de poder de Eduardo Cunha, na Câmara, dizendo que o STF já se manifestou sem declarar suspeição

Comiss�o Especial do Impeachment 2016 (CEI2016) realiza reuni�o de instala��o e elei��o do presidente e do relator. Em pronunciamento, relator da CEI2016, senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) Foto: Geraldo Magela/Ag�ncia Senado
Comiss�o Especial do Impeachment 2016 (CEI2016) realiza reuni�o de instala��o e elei��o do presidente e do relator. Em pronunciamento, relator da CEI2016, senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) Foto: Geraldo Magela/Ag�ncia Senado (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) prepara um relatório a favor da abertura do processo de impeachment de Dilma Rousseff com conteúdo técnico.

Segundo reportagem de Leandro Colon, ele pretende rejeitar, por exemplo, o argumento do governo de que não houve irregularidade na "pedalada fiscal" com o atraso do repasse de R$ 3,5 bilhões do Tesouro ao Banco do Brasil para o Plano Safra.

Também deve se posicionar contra o argumento de desvio de poder de Eduardo Cunha, na Câmara, dizendo que o STF já se manifestou sem declarar suspeição.

Seu relatório deve ser aprovado com os votos de 16 dos 21 titulares da comissão especial (leia aqui).

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email