Rui Falcão pede à Justiça afastamento de Carlos Bolsonaro de atividades no Planalto

Deputado Rui Falcão protocolou na Justiça Federal em Brasília em que acusa o vereador Carlos Bolsonaro de praticar usurpação de função pública e pede seu afastamento de quaisquer atividades desempenhadas no Palácio do Planalto

(Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Rui Falcão (PT-SP) protocolou nesta sexta-feira, 3, na Justiça Federal de Brasília, uma ação popular contra Jair Bolsonaro e contra o vereador Carlos Bolsonaro. 

Falcão pede que a Justiça determine o afastamento de Carlos de suas atividades desempenhadas no Palácio do Planalto. O filho de Jair Bolsonaro teria reservada sala na sede administrativa do Governo Federal, onde exerceria funções não compatíveis com seu mandato de vereador.

"Atividade ilegal e lesiva, a presença do vereador junto ao gabinete presidencial constitui desvio de finalidade e usurpação de função pública, a requerem da Justiça imediato afastamento do indigitado, bem como da proibição para que continue a exercer funções e atividades na esfera federal que extrapole as funções de vereador na cidade do Rio de Janeiro", diz o parlamentar na ação. 

A ação popular, que tramita na 16ª Vara Cível da Justiça Federal do Distrito Federal, pede a condenação dos réus ao pagamento das custas e despesas processuais, oferta ao Município e à Câmara Municipal do Rio de Janeiro a possibilidade de ingressarem nos autos.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email