Senado aprova convocação para ministro do Turismo explicar candidaturas laranjas do PSL

Pedido de convocação do ministro foi feito pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Segundo o senador, em três ocasiões o titular do Turismo não compareceu a convites do colegiado para prestar esclarecimentos. Agora, por se tratar de convocação, é obrigado por lei a ir à comissão

(Foto: REUTERS/Jake Spring)

BRASÍLIA (Reuters) - A Comissão de Fiscalização e Controle do Senado aprovou no início da tarde desta terça-feira um requerimento de convocação do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, para prestar esclarecer ao colegiado no dia 22 sobre suspeitas de candidaturas-laranjas no PSL nas eleições de do ano passado.

O pedido de convocação do ministro foi feito pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Segundo o senador, em três ocasiões o titular do Turismo não compareceu a convites do colegiado para prestar esclarecimentos. Agora, por se tratar de convocação, é obrigado por lei a ir à comissão.

Originalmente, Randolfe queria que Álvaro Antônio prestasse esclarecimentos sobre a prisão de um assessor especial dele no ministério, de um membro do PSL de Minas e de um ex-assessor em razão de suspeitas de desvio de recursos públicos por meio de candidaturas laranjas.

Contudo, a pressão pela vinda do ministro aumentou após ele ter sido denunciado pelo Ministério Público de Minas na sexta-feira passada no episódio, após ter sido indiciado pela Polícia Federal.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247