Temer recebe presidente da CPMI da JBS no Jaburu

Michel Temer se reuniu na tarde deste sábado (9) com o senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) instalada para investigar empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) à J&F, empresa que controla o frigorífico JBS; o tucano chegou ao Palácio do Jaburu, em Brasília, pouco depois das 17h deste sábado e ficou cerca de 40 minutos no local; ele saiu sem falar com jornalistas

Michel Temer se reuniu na tarde deste sábado (9) com o senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) instalada para investigar empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) à J&F, empresa que controla o frigorífico JBS; o tucano chegou ao Palácio do Jaburu, em Brasília, pouco depois das 17h deste sábado e ficou cerca de 40 minutos no local; ele saiu sem falar com jornalistas
Michel Temer se reuniu na tarde deste sábado (9) com o senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) instalada para investigar empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) à J&F, empresa que controla o frigorífico JBS; o tucano chegou ao Palácio do Jaburu, em Brasília, pouco depois das 17h deste sábado e ficou cerca de 40 minutos no local; ele saiu sem falar com jornalistas (Foto: Romulo Faro)

Brasília 247 - Michel Temer se reuniu na tarde deste sábado (9) com o senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) instalada para investigar empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) à J&F, empresa que controla o frigorífico JBS.

Oliveira chegou ao Palácio do Jaburu, em Brasília, pouco depois das 17h deste sábado e ficou cerca de 40 minutos no local. Ele saiu sem falar com jornalistas, de acordo com o G1.

O encontro acontece horas depois de o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) a prisão de delatores da J&F, entre eles o empresário Joesley Batista, na esteira da divulgação de uma gravação que aponta que eles descumpriram o acordo de delação premiada fechado com o Ministério Público ao omitir informações sobre crimes.

Mais cedo, Temer recebeu ministros e congressistas para um almoço no Jaburu. Oficialmente, a informação foi de que o almoço serviu para retribuir ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), outro almoço que aconteceu na quinta (7).

Além de Maia, também foram convidados para o almoço de Temer no Jaburu o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), os ministros Henrique Meirelles (Fazenda), Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo), Moreira Franco (Secretaria-Geral), Torquato Jardim (Justiça) e Helder Barbalho (Integração Nacional), e o deputado Heráclito Fortes (PSB-PI).

Quando o presidente da CMPI chegou ao Jaburu ainda estavam no local Meirelles, Imbassahy e Moreira Franco.

Conheça a TV 247

Mais de Brasília

Ao vivo na TV 247 Youtube 247