Deputado entra na Justiça para revogar nomeação do Centrão no Ministério da Saúde

Jorge Solla (PT-BA) entrou com ação popular para revogar nomeação de assessor do deputado Zé Vitor, vice-líder do PL, para a área de saúde bucal do Ministério da Saúde, que não tem formação na área da saúde

Jorge Solla: Bolsonaro é um alucinado envolvido até o pescoço com a milícia
Jorge Solla: Bolsonaro é um alucinado envolvido até o pescoço com a milícia (Foto: Gustavo Lima - Câmara)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Portal Forum - O deputado federal Jorge Solla (PT-BA) ingressou na noite desta segunda-feira (23) com uma ação popular na Justiça Federal da Bahia que pede a suspensão da nomeação de Vivaldo Pinheiro Guimarães Junior do cargo de coordenador-geral de Saúde Bucal do Ministério da Saúde.

Até então assessor parlamentar do deputado mineiro José Vitor de Resende Aguiar, o Zé Vitor, vice-líder do PL na Câmara, Guimarães Junior é o primeiro a ocupar o cargo sem que tenha qualquer relação com a área da saúde. O PL é um dos partidos do Centrão que entraram na negociata de cargos em troca de apoio a Bolsonaro no Congresso. O assessor parlamentar do PL assumiu o cargo na última quarta-feira (17) no lugar da cirurgiã-dentista Rogéria Cristina Calastro de Azevêdo, que foi exonerada na mesma data.

Leia a íntegra da matéria no portal Forum

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247