Dino: conquistas de três décadas podem se perder em meses

Ao lado de Ciro Gomes (PDT) e Carlos Lupi (PDT), governador Flávio Dino (PCdoB) denuncia o golpismo da oposição contra o governo Dilma Rousseff e faz um alerta: "A Constituição é nossa base para dizer que agora impeachment é golpe, pois não houve crime de responsabilidade"; "É a partir dela [Dilma] e do Governo que se pode construir um novo pacto nacional. Mas para isso é preciso que o conjunto de forças do Congresso mude sua atitude, que hoje é de sabotagem. Governo e oposição são essenciais para a democracia", disse

Ao lado de Ciro Gomes (PDT) e Carlos Lupi (PDT), governador Flávio Dino (PCdoB) denuncia o golpismo da oposição contra o governo Dilma Rousseff e faz um alerta: "A Constituição é nossa base para dizer que agora impeachment é golpe, pois não houve crime de responsabilidade"; "É a partir dela [Dilma] e do Governo que se pode construir um novo pacto nacional. Mas para isso é preciso que o conjunto de forças do Congresso mude sua atitude, que hoje é de sabotagem. Governo e oposição são essenciais para a democracia", disse
Ao lado de Ciro Gomes (PDT) e Carlos Lupi (PDT), governador Flávio Dino (PCdoB) denuncia o golpismo da oposição contra o governo Dilma Rousseff e faz um alerta: "A Constituição é nossa base para dizer que agora impeachment é golpe, pois não houve crime de responsabilidade"; "É a partir dela [Dilma] e do Governo que se pode construir um novo pacto nacional. Mas para isso é preciso que o conjunto de forças do Congresso mude sua atitude, que hoje é de sabotagem. Governo e oposição são essenciais para a democracia", disse (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – A frente de uma campanha nacional contra o golpe, o governador Flávio Dino (PCdoB) fez um alerta sobre a atual crise política:

“Lutamos tanto para chegar até aqui, muita gente sofreu, tivemos ditadura sangrenta, que torturou e matou, depois uma hiperinflação. O que levamos três décadas conquistando, como estabilidade econômica e diminuição das desigualdades, pode se perder em poucos meses. No Maranhão, a gente governa com PT e PSDB, e todos estão felizes. Sem isso, é muito difícil imaginar uma saída », disse ele, em entrevista ao ‘El Pais ».

“Não cabe na minha cabeça que duas lideranças da envergadura e da importância histórica como Fernando Henrique Cardoso e Lula não consigam sentar à mesa e fazer um acordo nacional”, acrescentou.

Ao lado de Ciro Gomes (PDT) e Carlos Lupi (PDT), ele denuncia o golpismo da oposição contra o governo Dilma Rousseff: "A Constituição é nossa base para dizer que agora impeachment é golpe, pois não houve crime de responsabilidade". "É a partir dela [Dilma] e do Governo que se pode construir um novo pacto nacional. Mas para isso é preciso que o conjunto de forças do Congresso mude sua atitude, que hoje é de sabotagem. Governo e oposição são essenciais para a democracia", disse (leia aqui).

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email