Eliziane diz que houve propina em obras de refinaria

Deputada Eliziane Gama (PPS-MA) disse ao ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, durante audiência pública realizada pela Comissão Externa da Câmara, que analisa o cancelamento das refinarias da Petrobras no Nordeste, que as investigações feitas pelo Judiciário e pela CPI da Petrobras apontam para a existência do pagamento de propinas para construir a unidade de refino Premium I, que seria erguida no Maranhão; "Tivemos informações claras na CPI de que houve pagamento de propina na refinaria Premium Um que teve investimento até o momento da sua suspensão de dois bilhões de reais", afirmou

Deputada Eliziane Gama (PPS-MA) disse ao ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, durante audiência pública realizada pela Comissão Externa da Câmara, que analisa o cancelamento das refinarias da Petrobras no Nordeste, que as investigações feitas pelo Judiciário e pela CPI da Petrobras apontam para a existência do pagamento de propinas para construir a unidade de refino Premium I, que seria erguida no Maranhão; "Tivemos informações claras na CPI de que houve pagamento de propina na refinaria Premium Um que teve investimento até o momento da sua suspensão de dois bilhões de reais", afirmou
Deputada Eliziane Gama (PPS-MA) disse ao ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, durante audiência pública realizada pela Comissão Externa da Câmara, que analisa o cancelamento das refinarias da Petrobras no Nordeste, que as investigações feitas pelo Judiciário e pela CPI da Petrobras apontam para a existência do pagamento de propinas para construir a unidade de refino Premium I, que seria erguida no Maranhão; "Tivemos informações claras na CPI de que houve pagamento de propina na refinaria Premium Um que teve investimento até o momento da sua suspensão de dois bilhões de reais", afirmou (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Do blog da Sílvia TerezaEm audiência pública realizada pela Comissão Externa da Câmara que analisa o cancelamento das refinarias da Petrobras no Nordeste, a deputada Eliziane Gama (PPS-MA) disse ao ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, que as investigações em curso no Judiciário e no âmbito da CPI da Petrobras mostram que houve pagamento de propinas para construir a unidade de refino Premium I, que seria erguida no Maranhão.

"Tivemos informações claras na CPI de que houve pagamento de propina na refinaria Premium Um que teve investimento até o momento da sua suspensão de dois bilhões de reais", afirmou Gama.

O ministro foi convidado pelo colegiado para explicar os motivos que levaram a estatal brasileira a suspender em janeiro de 2015 os dois projetos, um no Ceará e outro no Maranhão.

Perguntado pela deputada, que coordena a comissão externa, se havia previsão governamental de retomar os projetos das refinarias, o ministro disse que no planejamento de curto, médio e longo prazo, na visão do ministério, a construção destes empreendimentos é necessária para o Brasil, mas não falou em prazo, nem foi explícito se Premium 1 poderia sair do papel.

"As circunstâncias que levam a situação da Petrobras a postergar, suspender, cancelar são circunstâncias não estruturais, mas sim, conjunturais", acrescentou Eduardo Braga.

Eliziane lembrou ainda ao ministro que a suspensão dos projetos de refinarias no Nordeste frustrou milhares de pessoas. Ela também chamou a atenção sobre fato de sequer a Petrobras ter pedido autorização à Agência Nacional do Petróleo para construir a refinaria.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247