‘Estamos investindo 500% a mais na saúde’, afirma secretário

“Em 2005 os investimentos na saúde eram de 400 milhões por ano.Em 2016 a gente chegou a 2 bilhões”, segundo o Secretário Estadual de Saúde Carlos Eduardo Lula; “E isso é um incremento de 500% que fará a diferença na vida das pessoas”, continuou ele; vídeo  

“Em 2005 os investimentos na saúde eram de 400 milhões por ano.Em 2016 a gente chegou a 2 bilhões”, segundo o Secretário Estadual de Saúde Carlos Eduardo Lula; “E isso é um incremento de 500% que fará a diferença na vida das pessoas”, continuou ele; vídeo  
“Em 2005 os investimentos na saúde eram de 400 milhões por ano.Em 2016 a gente chegou a 2 bilhões”, segundo o Secretário Estadual de Saúde Carlos Eduardo Lula; “E isso é um incremento de 500% que fará a diferença na vida das pessoas”, continuou ele; vídeo   (Foto: Leonardo Lucena)

Blog Propagando - “Em 2005 os investimentos na saúde eram de 400 milhões por ano.Em 2016 a gente chegou a 2 bilhões”, segundo o Secretário Estadual de Saúde Carlos Eduardo Lula, em entrevista exclusiva ao Blog Propagando na última quinta-feira (6). “E isso é um incremento de 500% que fará a diferença na vida das pessoas”, continuou ele.  

A Saúde no estado:

“A gente vem melhorando a nossa rede de assistência a saúde, mas a gente precisa melhorar sobretudo os indicadores de atenção básica. Por isso a gente tem dialogado muito com os municípios”.

Sobre as UPAS:

“ O estado tem apostado na abertura das UPAS que estavam fechadas. Esse modelo do estado que o estado é o gestor das UPAS, é o modelo único  que acontece aqui no Maranhão.  Em geral por serem unidades de pronto atendimento  e, portanto serem de urgência e emergência, elas são de competência dos municípios. Abrimos a UPA de Imperatriz, Açailândia e recém inauguramos a de Chapadinha e também de Caxias, que estavam fechadas.”

Sobre os hospitais Socorrão I e II  (Os maiores de urgência e emergência de São Luís, que possuem grandes problemas há décadas):

“O hospital Socorrão I e II é de competência do Município de São Luís. A gente tem conversado  não só com o município de São Luís, mas com outros municípios. A gente está começando a desenhar um projeto que pode mudar aí a  cara da urgência e emergência no estado.”

Conheça a TV 247

Mais de Nordeste

Ao vivo na TV 247 Youtube 247