CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Governadores irão enviar PMs ao Ceará se Bolsonaro não renovar presença do Exército no Estado

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

247 - Os governadores de ao menos quatro estados já se organizam para enviar forças de segurança ao Ceará caso o presidente Jair Bolsonaro não renove a GLO (Garantia da Lei e da Ordem), que possibilitou a presença do Exército e da Força Nacional no estado. A informação é da jornalista Mônica Bergamo, em sua coluna no jornal Folha de S.Paulo. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com o governador Flávio Dino (PCdoB-MA), do Maranhão, os governadores do Rio de Janeiro, da Bahia, do Piauí e ele próprio acertaram o envio de tropas ao estado. "Há um movimento para cooperar", declarou ele nesta sexta-feira (28). 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na quinta (27), informa Bergamo, Bolsonaro sinalizou que pode não atender ao pedido do governador cearense, Camilo Santana (PT-CE) de que a operação seja renovada. "A GLO não é para ficar eternamente atendendo um ou mais governadores. GLO é uma questão emergencial", disse o presidente em live nas redes sociais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A jornalista ainda relata que "a situação no Ceará é dramática. Desde o início do movimento dos policiais militares do estado, que é ilegal, os assassinatos explodiram". 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Recentemente, Dino fez uma postagem onde critica duramente a postura de Bolsonaro: 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE