Ministro quer privatizar Lençóis Maranhenses

O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), revelou a intenção de privatizar seis parques nacionais, inclusive o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses; no projeto, ainda em elaboração, além dos Lençóis, também seria entregue à iniciativa privada o Parque Nacional de Jeriquaquara, no Ceará

O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), revelou a intenção de privatizar seis parques nacionais, inclusive o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses; no projeto, ainda em elaboração, além dos Lençóis, também seria entregue à iniciativa privada o Parque Nacional de Jeriquaquara, no Ceará
O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), revelou a intenção de privatizar seis parques nacionais, inclusive o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses; no projeto, ainda em elaboração, além dos Lençóis, também seria entregue à iniciativa privada o Parque Nacional de Jeriquaquara, no Ceará (Foto: Voney Malta)

Por Leandro Almeida/marrapa.com - O ministro do Meio Ambiente, deputado federal licenciado Sarney Filho (PV), defende a privatização do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Segundo informação do ministro à imprensa nacional, a intenção do MMA é privatizar seis parques nacionais.

“Temos a intenção de fazer o maior número possível de parcerias, seja com entidades civis ou instituições privadas”, argumenta. Sarney Filho. No projeto, ainda em elaboração pelo Ministério do Meio Ambiente, além dos Lençóis, destino integrante da Rota das Emoções, um consórcio turístico reunindo Maranhão, Ceará e Piauí, também seria entregue à iniciativa privada o Parque Nacional de Jeriquaquara, no estado do Ceará.

Nas eleições passadas, um sobrinho do ex-senador José Sarney, Albérico Filho (PMDB), foi eleito prefeito. Parentes do político maranhense possuem negócios no setor do turismo nos municípios de Santo Amaro e Paulino Neves.

A privatização do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses poderá ocorrer logo em 2017. A previsão é de que desembarque na mesa do presidente em fevereiro. A partir da instituição de contratos de parcerias, empresas concessionárias poderão cobrar regularmente pelos serviços de visitação.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247