Número de ataques chega ao 10º dia consecutivo no Ceará

Bandidos atearam fogo em um caminhão no Bairro Jangurussu, em Fortaleza (CE), na madrugada deste domingo (29), 10º dia seguido de ataques coordenados por membros de uma facção criminosa. Desde o dia 20 de setembro, quase 150 pessoas foram presas no estado. A maioria incêndios contra ônibus, veículos particulares e prédios públicos e privados

(Foto: (Foto: Evenilson Pinto/Arquivo Pessoal))
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Bandidos atearam fogo em um caminhão no Bairro Jangurussu, em Fortaleza (CE), na madrugada deste domingo (29), 10º dia seguido de ataques coordenados por membros de uma facção criminosa. Desde o dia 20 de setembro até a manhã desta domingo (29), a Secretaria da Segurança Pública totaliza o número 143 pessoas capturadas por suposto envolvimento nas ações, sendo 110 adultos e 33 adolescentes.

Desde a sexta-feira (27), a Polícia Civil prendeu 44 membros da facção que atua na onda de violência.

Ao redor do caminhão foram encontrados vidros de garrafas que tinham conteúdo inflamável e foram arremessadas no veículo.

De acordo com o G1, o secretário da Segurança do Ceará, André Costa, afirma que a onda de violência é uma reação de detentos que querem a volta de "regalias" nos presídios do estado. 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247