Parlamentares do Nordeste irão à PGR denunciar preconceito de Bolsonaro

Segundo o deputado Carlos Veras (PT-PE), o presidente coloca a região à margem de seu governo e ameaça o Maranhão; "Ele tem que entender que acabou a eleição, e não pode continuar se comportando como animador de torcida e deixar uma região importante para o país às margens do governo", disse; Bolsonaro se referiu aos nordestinos como "paraíbas"

(Foto: Vinícius Loures - Câmara)

Rede Brasil Atual - Após as ofensas do presidente Jair Bolsonaro (PSL) contra nordestinos, a Frente Parlamentar em Defesa do Nordeste entrará com representação na Procuradoria-Geral da República (PGR). Segundo o deputado federal Carlos Veras (PT-PE), o presidente coloca a região à margem de seu governo e ameaça o estado do Maranhão.

“Não aceitaremos essas agressões e insultos feitos pelo presidente. Ele tem que entender que acabou a eleição, e não pode continuar se comportando como animador de torcida e deixar uma região importante para o país às margens do governo”, disse Veras, à Rádio Brasil Atual, sobre como Bolsonaro se referiu aos nordestinos – “paraíbas“, na última sexta (19).

Em nota, o grupo de congressistas disse que o político do PSL “pratica um ato de improbidade administrativa” e que também “fere o pacto federativo, penaliza a população e tensiona a unidade nacional”. O presidente da Frente, o deputado Danilo Cabral (PSB-PE), disse que a representação será entregue “em breve”.

Nesta terça-feira (23), Bolsonaro inaugurou o aeroporto Glauber Rocha, em Vitória da Conquista (BA). Em sua fala, o presidente disse “amar o Nordeste” e vestiu um chapéu de vaqueiro. Para o deputado, as homenagens dele são falsas. “Ele cometeu um ato de preconceito contra o Nordeste. As frases proferidas por ele, ontem, são decoradas, sem sinceridade ou amor. Ele despreza e tem preconceito com o Nordeste. Essa tentativa de enganar a população não cola. É lamentável ter um presidente que quer governar de costas para o Nordeste”, afirmou Veras.

Conheça a TV 247

Mais de Nordeste

Ao vivo na TV 247 Youtube 247