Pernambucanos fazem fila para assinar petição para anular julgamento de Lula

Pernambucanos fizeram uma fila para assinar abaixo-assinado com o objetivo de anular o julgamento do ex-presidente Lula, condenado sem provas no processo do triplex em Guarujá (SP); assista ao vídeo

(Foto: Reprodução)

247 - Pernambucanos fizeram uma fila para assinar abaixo-assinado com o objetivo de anular o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado sem provas no processo do triplex em Guarujá (SP). 

A partidarização da Operação Lava Jato no caso de Lula ficou mais evidente após o site Intercept Brasil divulgar troca de diálogos entre o ex-juiz Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, e procuradores do Ministério Público Federal (MPF-PR).

De acordo com uma das reportagens do Intercept, o procurador duvidava da existência de provas contra o ex-presidente, acusado de ter recebido um apartamento da OAS como propina.

"No dia 9 de setembro de 2016, precisamente às 21h36 daquela sexta-feira, Deltan Dallagnol enviou uma mensagem a um grupo batizado de Incendiários ROJ, formado pelos procuradores que trabalhavam no caso. Ele digitou: 'Falarão que estamos acusando com base em notícia de jornal e indícios frágeis… então é um item que é bom que esteja bem amarrado. Fora esse item, até agora tenho receio da ligação entre petrobras e o enriquecimento, e depois que me falaram to com receio da história do apto… São pontos em que temos que ter as respostas ajustadas e na ponta da língua'", diz o site.

Outra matéria apontou que Moro "sugeriu trocar a ordem de fases da Lava Jato, cobrou novas operações, deu conselhos e pistas e antecipou ao menos uma decisão, mostram conversas privadas ao longo de dois anos".

Conheça a TV 247

Mais de Nordeste

Ao vivo na TV 247 Youtube 247