Piauí: Rafael Fonteles tem 53% com apoio de Lula e Wellington, contra 31% de Silvio Mendes com apoio de Ciro Nogueira

Na pesquisa Vox Populi para presidente, Lula aparece com 63% dos votos no Piauí contra 15% de Bolsonaro

www.brasil247.com - Silvio Mendes (União Brasil) e Rafael Fonteles (PT), pré-candidatos ao governo do Piauí
Silvio Mendes (União Brasil) e Rafael Fonteles (PT), pré-candidatos ao governo do Piauí (Foto: Reprodução/Facebook)


247 - O pré-candidato Rafael Fonteles (PT) teria 53,5% dos votos válidos com apoio do ex-presidente Lula (PT) e do ex-governador Wellington Dias (PT) se a eleição para governador fosse hoje. É o que diz pesquisa realizada pelo Instituto Vox Populi para governador, senador e para Presidente da República, contratada pelo O Dia Agência.

O pré-candidato do União Brasil, Silvio Mendes, com apoio do ministro da Casa Civil de Bolsonaro, Ciro Nogueira (PP), aparece com 30,9% dos votos válidos. Na sequência, vem Major Diego (PL), com apoio de Jair Bolsonaro (PL), com 5,6%. Venício do Ó (PTB), com apoio de Roberto Jefferson; Gessy Fonseca (PSC), com apoio do Pastor Everaldo; e Wallace Miranda (Novo), com apoio de Eduardo Ribeiro, têm 2,8% cada um.

No cômputo geral, Rafael lidera na pesquisa estimulada com 38% das intenções de voto, com apoio de Lula e de Wellington, contra 22% de Silvio Mendes, com apoio de Ciro Nogueira. Major Diego tem 4% com apoio de Bolsonaro; Venício do Ó, com apoio de Roberto Jefferson; Gessy Fonseca, com apoio do Pastor Everaldo; e Wallace Miranda, com apoio de Eduardo Ribeiro, têm 2% cada; e outros somam 2%. O total de 14% votaria nulo ou branco e 15% não quiseram ou não souberam responder.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A pesquisa foi realizada entre 15 e 19 de junho de 2022, com 800 pessoas de 44 municípios do Piauí. A margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%. Foi registrada em 15 de junho junto à Justiça Eleitoral sob o número PI-07483/2022. A pesquisa para Presidente foi registrada sob o número BR-06774/2022.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Empate técnico na espontânea

Na pesquisa espontânea para governador, os pré-candidatos do PT e União Brasil aparecem tecnicamente empatados dentro da margem de erro. Rafael tem 8% das intenções de voto e Sílvio 10%. Ainda são citados espontaneamente pelos entrevistados: Wellington Dias, com 5%, e outros nomes com menos de 1%, que somam 3%. Onze por cento votariam nulo ou branco e 63% não quiseram ou não souberam responder.

Rafael é o pré-candidato que representa a renovação da política no Piauí

A pesquisa da Vox Populi também entrevistou os piauienses sobre quais dos pré-candidatos ao governo representa a renovação da política no Piauí. Rafael Fonteles (PT) saiu à frente com 26%, seguido de Sílvio Mendes (União Brasil) com 21%, Gessy Fonseca (PSC) com 2%, Major Diego (PL) com 2%, Venício do Ó (PTB) com 2%, Wallace Miranda (Novo) com 1%, Ravenna Castro (PMN) com 1%, Gustavo Henrique Senador (Patriotas) com 1%. Alessander Mendes (Podemos) não pontuou. 16% dos entrevistados escolheram nulo ou branco e 26% não souberam ou não opinaram. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Wellington Dias lidera com 51% das intenções de voto

O ex-governador Wellington Dias (PT) lidera com ampla vantagem as intenções de voto para senador. A pesquisa estimulada mostra que 51% dos piauienses votam no petista, enquanto 10% votam em Joel Rodrigues (PP).

Em seguida, aparece o nome de Fábio Sérvio (Podemos), com 6%. Os que votam nulo ou branco somam 18% e não sabem ou não opinam, 15%. Wellington também lidera as intenções de voto na pesquisa espontânea. O pré-candidato do PT tem 8% contra 3% de Joel Rodrigues.

Outros (nomes citados com menos de 1%) somam 2%. Os que votam branco ou nulo são 13% e os que não sabem ou não opinam, 73%. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Lula lidera com ampla vantagem sobre Bolsonaro

Na pesquisa estimulada para Presidente da República, o ex-presidente Lula teria 63% dos votos se a eleição fosse hoje, contra 15% do presidente Bolsonaro (PL). Ciro Gomes (PDT), aparece com 6%; André Janones (Avante), com 1%; Vera Lúcia (PSTU), Simone Tebet (MDB) e Felipe D’Ávila (Novo) não pontuaram. Não sabem ou não opinam 8% dos entrevistados e 6% votariam nulo ou em branco.

Na espontânea, Lula é citado por 54% dos entrevistados e Bolsonaro por 13%. Ciro Gomes também foi lembrado por 3% dos entrevistados. Outros (nomes citados com menos de 1%) correspondem a 1%. Não sabem ou não opinam 26% e votos nulos e em branco somam 4%.

Em um eventual segundo turno entre Lula e Bolsonaro, o petista teria 70% dos votos contra apenas 16% do atual presidente. Votariam nulo ou em branco 8% e não sabem ou não opinam 6%.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email