Promotor denuncia organização criminosa que atua no MP-MA

Atendendo denúncia do promotor de justiça, Carlos Serra Martins, o Conselho Nacional do Ministério Público instaurou sindicância para apurar prática de crime e desvio de conduta imputada a membros do Ministério Público do Maranhão; o promotor encaminhou ao CNMP o organograma de uma organização criminosa com a participação de promotores do Estado

Atendendo denúncia do promotor de justiça, Carlos Serra Martins, o Conselho Nacional do Ministério Público instaurou sindicância para apurar prática de crime e desvio de conduta imputada a membros do Ministério Público do Maranhão; o promotor encaminhou ao CNMP o organograma de uma organização criminosa com a participação de promotores do Estado
Atendendo denúncia do promotor de justiça, Carlos Serra Martins, o Conselho Nacional do Ministério Público instaurou sindicância para apurar prática de crime e desvio de conduta imputada a membros do Ministério Público do Maranhão; o promotor encaminhou ao CNMP o organograma de uma organização criminosa com a participação de promotores do Estado (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Jorge Vieira - Atendendo denúncia do promotor de justiça, Carlos Serra Martins, o Conselho Nacional do Ministério Público instaurou sindicância para apurar prática de crime e desvio de conduta imputada a membros do Ministério Público do Maranhão. O promotor encaminhou ao CNMP o organograma de uma organização criminosa com a participação de promotores do Estado.

Segundo a grave denúncia que está sendo investigada, a quadrilha tinha como foco principal de atuação o desvio e dilapidação do patrimônio do senhor André Felipe de Sousa, indivíduo incapaz, sob Curatela em processo judicial próprio na Vara de Interdições. Conforme o denunciante, a sentença proferida pelo juiz Milton Bandeira beneficiava a organização criminosa que era chefiada por Danatília Nazaré Costa, morta ano passado, e substituída por Isabel de Sousa, sobrinha de Danatília, e amante do membro do Conselho Superior do MP/MA, Joaquim Henrique de Carvalho Lobato.

Confira aqui o conteúdo da denúncia.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247