PT rechaça preconceito de Bolsonaro: "episódio torna ainda mais evidente sua inépcia"

O PT lançou uma nota neste sábado onde rechaça os últimos comentários infelizes de Bolsonaro, que insultou o povo nordestino e discriminou o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB); "Episódio torna ainda mais evidente sua inépcia", diz a nota

Flavio Dino e Jair Bolsonaro
Flavio Dino e Jair Bolsonaro

O PT lançou uma nota neste sábado onde rechaça os últimos comentários infelizes de Bolsonaro, que insultou o povo nordestino e discriminou o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB); "Episódio torna ainda mais evidente sua inépcia", diz a nota

Leia a íntegra: 

O Partido dos Trabalhadores e as suas bancadas na Câmara e no Senado repudiam o tratamento preconceituoso de Jair Bolsonaro manifestado contra o povo nordestino, quando o presidente usou um conhecido termo depreciativo para se referir aos governadores da região.

Ademais, também merece repúdio a sua declaração que viola explicitamente os artigos 19 e 37 da ConstituiçãoFederal, ao determinar ao seu chefe do gabinete da Casa Civil, em relação ao governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), que não deveria “ter nada com esse cara”.

Já é de amplo conhecimento da sociedade brasileira que Bolsonaro usa o Executivo federal para promover seus interesses políticos e pessoais, ao arrepio da lei e em detrimento dos princípios que a Carta Magna consagra como conduta a ser observada por autoridades públicas.

Esse episódio torna ainda mais evidente a inépcia do atual ocupante da presidência da República e os parlamentares do PT no Congresso Nacional seguirão vigilantes e ativos no papel de fiscalizar e denunciar os desmandos e irregularidades deste governo.

Brasília, 19 de julho de 2019.

Gleisi Hoffmann
Presidenta do PT

Dep. Paulo Pimenta (PT-RS)
Líder do PT na Câmara

Sen. Humberto Costa (PT-PE)
Líder do PT no Senado

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247