Roberto Rocha será o candidato da oposição ao Senado

O deputado federal Domingos Dutra (SDD) desistiu da pré-candidatura em apoio ao socialista; segundo ele a decisão foi tomada após sucessivas pesquisas eleitorais para a disputa ao Senado; participaram do encontro representantes do PCdoB, PSB, PTC, PROS, PDT, SDD e PP

O deputado federal Domingos Dutra (SDD) desistiu da pré-candidatura em apoio ao socialista; segundo ele a decisão foi tomada após sucessivas pesquisas eleitorais para a disputa ao Senado; participaram do encontro representantes do PCdoB, PSB, PTC, PROS, PDT, SDD e PP
O deputado federal Domingos Dutra (SDD) desistiu da pré-candidatura em apoio ao socialista; segundo ele a decisão foi tomada após sucessivas pesquisas eleitorais para a disputa ao Senado; participaram do encontro representantes do PCdoB, PSB, PTC, PROS, PDT, SDD e PP (Foto: Itevaldo Junior)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Maranhão 247 – O vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha (PSB) será o único candidato ao Senado da oposição. O deputado federal Domingos Dutra (SDD), desistiu da pré-candidatura em apoio ao socialista. Segundo o parlamentar, essa é o gesto maior que poderia ser feito para demonstrar que a oposição está unida rumo às eleições de outubro.
Domingos Dutra afirmou que abria mão da disputa em nome da unidade da oposição e do trabalho pela vitória eleitoral em outubro próximo. “Estamos aqui anunciando uma unidade pela alternância de poder no Maranhão, em nome da do povo do Maranhão que espera que saibamos conduzir bem este processo político,” afirmou Dutra.
A decisão, segundo Domingos Dutra, foi tomada após sucessivas pesquisas eleitorais para a disputa ao Senado. “Fazemos um manifesto em apoio a Flávio Dino, a essa mudança no Maranhão. Vamos ganhar, ganhando,” afirmou Dutra.
Em seu discurso, Roberto Rocha fez questão de agradecer os apoios importantes de Domingos Dutra e do ex-governador José Reinaldo Tavares (PSB), que também já abriu mão da candidatura ao Senado em nome da unidade da oposição. “Essa decisão tomada em conjunto por toda a oposição define os rumos da eleição,” reafirmou Rocha.
Dutra lembrou que em 1996 renunciou ao mandato de deputado federal para ser vice na chapa do prefeito Jackson Lago e que em 2010 fez greve de fome para protestar contra a decisão da direção nacional do PT de entregar o partido para o apoio da então candidata ao governo estadual Roseana Sarney (PMDB).
“Tenho um objetivo na vida que é ver o Maranhão diferente deste que temos hoje. Um objetivo de anos e por isso sempre fiz gestos para que isso fosse possível”, disse Dutra.
Roberto Rocha, que em 2013 conseguiu unificar o PSB em torno de sua pré-candidatura, disse que mais um passo foi dado rumo a vitória nas eleições deste ano e que a união da oposição é o caminho mais garantido para esse resultado.
“Agradeço ao Dutra por este gesto. Um gesto que nos deixa mais próximo para chegarmos a uma vitória em 2014. Porque somente contribuirá com nossos adversários se não nos unirmos nessa caminhada e não é isso que queremos”, disse Rocha.
Participaram do encontro representantes do PCdoB, PSB, PTC, PROS, PDT, SDD e PP traçaram também os próximos passos da oposição.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email