Moro tem 'péssima memória', ironiza senador Otto Alencar

"Não exijam muito da memória do ministro Moro porque ele tem péssima memória. No Programa do Bial, ele se esqueceu da última biografia que tinha lido", alfinetou o parlamentar na CCJ do Senado

Senador Otto Alencar na CCJ do Senado
Senador Otto Alencar na CCJ do Senado (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)

247 - O senador Otto Alencar (PSD-BA) ironizou a memória do ministro da Justiça, Sérgio Moro, durante audiência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), ao questionar o conteúdo acessado no celular do ministro por um suposto hacker.

Moro explicava que o conteúdo do aplicativo Telegram de anos atrás não estaria mais disponível na 'nuvem' (servidor) quando o parlamentar interveio: "Senhora presidente, só para colaborar. Não exijam muito da memória do ministro Moro porque ele tem péssima memória. No Programa do Bial, ele se esqueceu da última biografia que tinha lido", alfinetou.

Antes, Moro também havia dito que não guarda o arquivo das conversas e que não lembra do que escreveu há três anos, o que o impediria de atestar a veracidade das mensagens.

A falta de memória de Moro, alegada de forma seletiva pelo ministro, virou alvo de piada no Twitter:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247