Acusado de atirar contra patrulha é baleado no Rio

Um adolescente foi atingido na perna por tiro de fuzil disparado por tropa do Exército de manhã no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro; segundo o Comando da Força de Pacificação da Maré, o incidente ocorreu após uma patrulha motorizada perceber um disparo de arma de fogo vindo das proximidades de um imóvel na comunidade do Conjunto Esperança

Um adolescente foi atingido na perna por tiro de fuzil disparado por tropa do Exército de manhã no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro; segundo o Comando da Força de Pacificação da Maré, o incidente ocorreu após uma patrulha motorizada perceber um disparo de arma de fogo vindo das proximidades de um imóvel na comunidade do Conjunto Esperança
Um adolescente foi atingido na perna por tiro de fuzil disparado por tropa do Exército de manhã no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro; segundo o Comando da Força de Pacificação da Maré, o incidente ocorreu após uma patrulha motorizada perceber um disparo de arma de fogo vindo das proximidades de um imóvel na comunidade do Conjunto Esperança (Foto: Leonardo Lucena)

Flávia Villela - Repórter da Agência Brasil

Um adolescente foi atingido na perna por tiro de fuzil disparado por tropa do Exército hoje (11) de manhã no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro. Segundo o Comando da Força de Pacificação da Maré, o incidente ocorreu após uma patrulha motorizada perceber um disparo de arma de fogo vindo das proximidades de um imóvel na comunidade do Conjunto Esperança.

Ao entrar no local, a tropa encontrou o adolescente, que disparou então contra a patrulha, conforme o relato dos soldados. Os militares reagiram e um disparo de fuzil atingiu o agressor na panturrilha. O rapaz foi apreendido e com ele foram encontrados uma pistola 9 milímetros e 15 cartuchos.

A assessoria do comando informou ainda que o rapaz recebeu os primeiros socorros pela tropa, que o conduziu de viatura à base de operações da Força de Pacificação, onde um médico militar o atendeu. Em seguida, ele foi conduzido de ambulância para uma Unidade de Pronto-Atendimento.

Após o socorro médico, o adolescente foi levado à 21ª Delegacia de Polícia para complementação das medidas legais cabíveis. De lá, ele será conduzido para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247