Ato na Paulista ataca imprensa e chama ministros do STF de "bandidos"

Várias pessoas particiaram de um ato na avenida Paulista para cobrar a aprovação urgente de uma mudança na Constituição. Eles querem que haja a possibilidade de prisão após condenação em segunda instância. Os manifestantes chamaram os ministros do STF de 'bandidos'

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Várias pessoas particiaram de um ato na avenida Paulista para cobrar a aprovação urgente de uma mudança na Constituição. Eles querem que haja a possibilidade de prisão após condenação em segunda instância. Os manifestantes chamaram os ministros do STF de 'bandidos'. 

A reportagem do jornal Folha de S. Paulo destaca que "o advogado Modesto Carvalhosa, em seu discurso, caracterizou a decisão do STF como golpe de Estado e disse que os seis ministros que votaram a favor da execução da pena somente quando o processo transitar em julgado são canalhas. "Eles são bandidos", gritou Carvalhosa, sob aplausos."

A matéria ainda acrescentou que "o STF foi repudiado com vaias e cartazes em que a corte era chamada de "vergonha nacional" e de "corja de bandidos". Também houve críticas à TV Globo, tratada pelos manifestantes como "Globolixo".

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247