Bolsonaro diz a governador do Rio que está preocupado com "frente ampla" de Lula

Jair Bolsonaro demonstrou preocupação com uma eventual candidatura do ex-presidente Lula em 2022 e pediu unidade de aliados no estado do Rio, durante encontro com o governador Cláudio Castro

Jair Bolsonaro, o governador do Rio, Cláudio Castro, e o ex-presidente Lula
Jair Bolsonaro, o governador do Rio, Cláudio Castro, e o ex-presidente Lula (Foto: Alan Santos/PR | Philippe Lima/GOVRIO | Ricardo Stuckert)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jair Bolsonaro está preocupado demonstrou preocupação com a possível candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Palácio do Planalto e a possibilidade da articulação de uma "frente ampla" pela esquerda. A preocupação foi externada em reunião com o governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC) no Palácio Laranjeiras, residência oficial do governo fluminense, no dia 5 de maio, véspera da chacina na favela do Jacarezinho. Bolsonaro pediu unidade a aliados no estado, sua base eleitoral.

Todos os presentes no encontro de Bolsonaro, do qual participaram com ministros, secretários estaduais e políticos foram proibidos de gravar a conversa, de acordo com informações de Veja

Bolsonaro não descarta apoiar outro nome que não seja o de Castro para o governo do Rio. Um dos motivos é a influência do Pastor Everaldo Dias Pereira, presidente do PSC e preso na Operação Tris In Idem, tem no estado. O PSC era o partido de Bolsonaro antes de ele entrar no PSL. Os dois são brigados atualmente. 

Outro entrave para pedir votos a Castro é Rodrigo Abel, chefe de gabinete e braço-direito do governador. Abel é um petista histórico. Foi presidente da Juventude do PT.

Lula lidera nas pesquisas

A Pesquisa XP/Ipespe, divulgada nesta terça-feira (11), apontou que, na pesquisa estimulada, o ex-presidente Lula e Bolsonaro apareceram com 29% das intenções de voto no primeiro turno. Em seguida ficou Ciro Gomes, do PDT, com 9%, Sérgio Moro (8%).

Em um segundo turno, Lula tem 42% das intenções de voto contra 40% de Bolsonaro. Apenas com os votos válidos, Lula tem 51% e Bolsonaro, 49%.

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais: 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email