Cabral é alvo de nova denúncia na Lava Jato

Se denúncia for aceita, ex-governador do Rio de Janeiro pode virar réu por 332 crimes de lavagem de dinheiro; segundo os procuradores, Sergio Cabral praticou crimes de lavagem de dinheiro em 148 oportunidades; na denúncia anterior, o peemedebista foi denunciado por 184 crimes de lavagem

Rio de Janeiro - O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral é levado preso na operação Lava Jato em viatura da Polícia Federal na sede na Praça Mauá (Fernando Frazão/Agência Brasil)
Rio de Janeiro - O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral é levado preso na operação Lava Jato em viatura da Polícia Federal na sede na Praça Mauá (Fernando Frazão/Agência Brasil) (Foto: Gisele Federicce)

Rio 247 - O ex-governador do Rio de Janeiro Sergio Cabral foi alvo de uma nova denúncia no âmbito da Lava Jato nesta terça-feira 21.

Segundo os procuradores, Cabral praticou crimes de lavagem de dinheiro em 148 oportunidades. Em denúncia anterior, o peemedebista foi denunciado por 184 crimes de lavagem.

Caso a denúncia for aceita, o ex-governador virará réu, portanto, por 332 crimes de lavagem de dinheiro.

Seu ex-assessor Ary Filho, além de Carlos Miranda, um de seus operadores financeiros, também foram denunciados por lavagem de dinheiro.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247