Campanha rica de Covas tem patrocínio de empresários; artistas são os maiores doadores para Boulos

Candidato à reeleição, Bruno Covas angariou R$ 18,4 milhões, boa parte por meio de doações de empresários do mercado imobiliário, além dos setores de saúde, automotivo e financeiro. Já Guilherme Boulos arrecadou R$ 3,7 mi, sendo mais de R$ 1 milhões por meio de apoio popular e de artistas

Bruno Covas e Guilherme Boulos
Bruno Covas e Guilherme Boulos (Foto: Reprodução/Facebook)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A campanha pela Prefeitura de São Paulo vem sendo marcada pela disparidade das doações para os candidatos Bruno Covas (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL). Enquanto o prefeito tucano e candidato à reeleição recebeu R$ 18,4 milhões, repassados pelo próprio partido e por empresários, Boulos recebeu R$ 3,7 milhões por meio de repasses feios pela legenda, além de contribuições de artistas, como Caetano Veloso. 

De acordo com reportagem do jornal O Globo, Covas angariou recursos do mercado imobiliário e dos setores de saúde, automotivo e financeiro. O maior repasse, segundo dados da Justiça Eleitoral, foi feito pelo médico e fundador do Hospital de Olhos de São Paulo, Jorge Miltre. Ele repassou R$ 230 mil para a campanha do tucano. 

E seguida, com doações de R$ 200 mil cada um, aparecem os empresários José Roberto Lamacchia, dono da financeira Crefisa, José Ricardo Rezek, do Grupo Rezek; e Elie Horn, fundador da Cyrela. 

Já na campanha de Boulos, cerca de 70% do valor arrecadado foi originário do próprio partido e outros 20% por meio de plataformas de financiamento coletivo. Desta forma, 859 pessoas doaram mais de um milhão para a campanha do candidato do PSOL. 

Entre os principais doadores individuais aparecem o músico Caetano Veloso e sua mulher, a produtora Paula Lavigne. Eles promoveram um show online para arrecadar fundos para a campanha do PSOL em São Paulo. Logo em seguida está Marília Furtado de Andrade, mãe da cineasta Petra Costa, com R$ 80 mil. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247