Carlos Bolsonaro chama Doria de “calça encravada” e afirma que ele apelidou quem quer trabalhar de “miliciano”

"Você, que quer trabalhar para garantir o mínimo sustento de sua família, o calça encravada não quer e te apelidou. Seguem as palavras do líder de muitos outros governantes estaduais e prefeituras do Brasil", afirmou o vereador Carlos Bolsonaro no Twitter

(Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) chamou o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de "calça encravada" e afirmou que o tucano teria apelidado quem quer trabalhar, de "miliciano ideológico".

"Você, que quer trabalhar para garantir o mínimo sustento de sua família, o calça encravada não quer e te apelidou. Seguem as palavras do líder de muitos outros governantes estaduais e prefeituras do Brasil", escreveu o filho de Jair Bolsonaro no Twitter.

Em coletiva de imprensa, nesta segunda-feira (4), Doria criticou protestos que pediam o fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal Federal. Bolsonaro participou de um protesto em Brasília (DF).

"Neste final de semana o Brasil assistiu mais uma vez, estarrecido, manifestação de milicianos ideológicos, que em várias cidades do pais fizeram manifestações, carreatas, buzinaços, soltaram rojões, proferiram palavrões e agressões à várias pessoas", acrescentou. 

"O mesmo ocorreu ontem em Brasília, mais uma vez, em frente ao Palácio do Planalto, com jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas de veículos de comunicação, em especial um fotógrafo do jornal 'Estado de S. Paulo' que foi covardemente agredido".

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247