Crivella censura e manda recolher história em quadrinhos com temática LGBT

Prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB) determinou que os organizadores da Bienal do Livro, no Rio recolham a história em quadrinhos “Vingadores: A cruzada das crianças” por abordar a temática LGBT e mostrar “conteúdo sexual para menores”. A direção da Bienal afirmou que não irá recolher e nem embalar a publicação por considerar que o conteúdo da HQ não é impróprio e nem pornográfico

247 - O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB) determinou que os organizadores da Bienal do Livro, no Rio, recolham a história em quadrinhos “Vingadores: A cruzada das crianças” por abordar a temática LGBT e mostrar “conteúdo sexual para menores”. A direção da Bienal  afirmou que não irá recolher e nem embalar a publicação, por conseidarar que o conteúdo da HQ não é impróprio e nem pornográfico.

"A prefeitura do Rio determinou que os organizadores recolhessem esse livro, que já foi denunciado inclusive na internet e que traz conteúdo sexual para menores. Livros assim precisam estar embalados em plástico preto, lacrado e com um aviso do lado de fora sobre o conteúdo. Portanto, a prefeitura do Rio de Janeiro está protegendo os menores da nossa cidade", disse Crivella em um vídeo publicado nas redes sociais. 

A HQ é o 66º volume da Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel, lançada pela editora Salvat em parceria com a Panini Comics. Na história, que tem roteiro do norte-americano Allan Heinberg e foi ilustrada pelo britânico Jim Cheung, dois dos Jovens Vingadores são namorados. A história foi publicada originalmente entre 2010 e 2012 nos Estados Unidos, e foi introduzida no Brasil em 2012. saiu no Brasil pela primeira vez em 2012.

A Bienal destacou que "dá voz a todos os públicos, sem distinção, como uma democracia deve ser. Inclusive, no próximo fim de semana, a Bienal do Livro terá três painéis para debater a literatura Trans e LGBTQA+. A direção do festival entende que, caso um visitante adquira uma obra que não o agrade, ele tem todo o direito de solicitar a troca do produto, como prevê o Código de Defesa do Consumidor". 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247