Damous: Dodge, até quando Dallagnol abusará da nossa paciência?

"A Lava Jato é coordenada por um criminoso: Deltan Dallagnol, o 'Delta'. Valer-se do cargo para buscar informações fiscais de ministros do Supremo ou seja lá de quem for é crime. Até quando, Dra. Raquel Dodge, Dallagnol continuará abusando da nossa paciência?", questionou o ex-deputado Wadih Damous (PT-RJ)

(Foto: Edilson Rodrigues -Ag. Senado)

247 - O ex-deputado federal Wadih Damous (PT-RJ) bateu pesado no procurador da Operação Lava Jato Deltan Dallagnol, após as novas revelações do site Intercept Brasil apontarem que ele tentou investigar o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, ferindo a Constituição.

"A Lava Jato é coordenada por um criminoso: Deltan Dallagnol, o 'Delta'. Valer-se do cargo para buscar informações fiscais de ministros do Supremo ou seja lá de quem for é crime. Até quando, Dra. Raquel Dodge, Dallagnol continuará abusando da nossa paciência?", questionou o parlamentarno Twitter.

O presidente do STF era visto como um potencial adversário da Lava Jato, como um possível freio ao avanço da operação. De acordo com a reportagem, feita em parceria com o jornal Folha de S.Paulo, Dallagnol buscou informações sobre as finanças pessoais de Toffoli e sua mulher, além de evidências que ligassem os dois a empreiteiras envolvidas com a corrupção na Petrobrás.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247