Delator: Dornelles recebeu R$ 250 mil em propina

Delator Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, afirmou que intermediou o pagamento de R$ 250 mil da Queiroz Galvão para o PP a pedido do governador interino do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, em 2010; segundo Machado, o dinheiro foi repassado na forma de doação e veio de “vantagens indevidas”

Delator Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, afirmou que intermediou o pagamento de R$ 250 mil da Queiroz Galvão para o PP a pedido do governador interino do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, em 2010; segundo Machado, o dinheiro foi repassado na forma de doação e veio de “vantagens indevidas”
Delator Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, afirmou que intermediou o pagamento de R$ 250 mil da Queiroz Galvão para o PP a pedido do governador interino do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, em 2010; segundo Machado, o dinheiro foi repassado na forma de doação e veio de “vantagens indevidas” (Foto: Roberta Namour)

247 – O delator Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, afirmou que intermediou o pagamento de R$ 250 mil da Queiroz Galvão para o PP a pedido do governador interino do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, em 2010.

Segundo Machado, o dinheiro foi repassado na forma de doação e veio de “vantagens indevidas”.

Em nota, Dornelles diz que as doações que recebeu foram registradas nos tribunais eleitorais.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247