Deputado bolsonarista que chamou Covid-19 de 'política nojenta de produzir mortes' é contaminado pela doença

O deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP) testou positivo para o coronavírus. O parlamentar vinha subestimando a doença e também criticou uma "política nojenta de produzir óbitos no Brasil", sinalizando tentativas de cadastrar mortes por Covid-19 falsamente. Ele foi o mesmo parlamentar que rasgou uma exposição de Carlos Latuff sobra racismo

Coronel Tadeu
Coronel Tadeu (Foto: Pablo Valadares - Agência Câmara)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP) testou positivo para o coronavírus nesta terça-feira (21). Ele está internado em São Paulo, com quadro estável, e a torcida agora é por sua melhora. 

O parlamentar vinha minimizando os efeitos da pandemia. "A partir de qual dia os paulistas poderão morrer de outras doenças?", escreveu ele no dia 16 de maio em sua conta no Twitter.

Em 22 de junho, o deputado criticou uma "política nojenta de produzir óbitos no Brasil", sinalizando tentativas de cadastrar mortes por Covid falsamente. 

"Minha madrasta acaba de falecer em Ilhéus - Bahia. Estava com pneumonia e foi testada negativamente para Covid-19. Lamentavelmente estão querendo cadastrar como Covid, e meus irmãos tristes com essa política nojenta de produzir óbitos".

O coronel foi o mesmo que, em novembro de 2019, rasgou uma exposição do cartunista Carlos Latuff. A obra denunciava a violência policial contra a população negra.

 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247