Dois de quatro casos suspeitos da nova variante do coronavírus em SP foram descartados, diz governo

De acordo com o secretário estadual da Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, dois casos foram descartados após suspeita de contaminação provocada por mutações do coronavírus

Médico infectologista Jean Gorinchteyn
Médico infectologista Jean Gorinchteyn (Foto: Governo de São Paulo)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O secretário estadual da Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, afirmou nesta segunda-feira (4) que foram descartados dois de quatro casos suspeitos de contaminação pela nova cepa do coronavírus.

De acordo com o dirigente, os casos descartados são de pacientes internados em hospitais privados do estado e que estiveram no Reino Unido. O relato foi publicado pelo portal G1

O laboratório de diagnósticos privado Dasa afirmou, em 31 de dezembro, ter encontrado dois casos da nova variante do coronavírus em São Paulo. O governo paulista ainda considera os casos como suspeitos e espera o resultado da contraprova realizada pelo Instituto Adolfo Lutz.

A variante, chamada de B.1.1.7, foi identificada em pelo menos outros 17 países. Ela é 56% mais contagiosa.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email