Doria diz que Bolsonaro é um fracasso no combate à pandemia

"Gostaria de convidar o presidente a visitar um hospital de campanha, coisa que ele não fez até agora, e que tivesse uma postura melhor em relação ao coronavírus, não fosse negativista e liderasse o país", afirmou o governador paulista

Coletiva do Governo de SP e Área da Saúde. 29 de julho de 2020
Coletiva do Governo de SP e Área da Saúde. 29 de julho de 2020 (Foto: GOVSP)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik – O governador de São Paulo, João Doria, afirmou nesta sexta-feira (7) que o presidente Jair Bolsonaro "está sendo um fracasso" no combate à pandemia do coronavírus no país.

O presidente Jair Bolsonaro esteve em visita oficial ao litoral de São Paulo nesta sexta-feira (7), mas não convidou o governador, como é costuma ser o protocolo.

Em entrevista coletiva, o governador João Doria negou que o governo de São Paulo esteja aumentando os números de mortes por COVID-19, como já acusou Bolsonaro.

"São Paulo não manuseia números, e eu tenho convicção que os outros estados não fazem manuseio dos números. O presidente tem uma suposição equivocada, dolosa e nociva", disse.

"Gostaria de convidar o presidente a visitar um hospital de campanha, coisa que ele não fez até agora, e que tivesse uma postura melhor em relação ao coronavírus, não fosse negativista e liderasse o país no combate à pandemia. Aí sim ele estaria fazendo jus à sua condição de presidente da República. Na pandemia, tenho que dizer a afirmar: o presidente está sendo um fracasso", completou.

O Brasil é o segundo país do mundo mais afetado pela pandemia, com quase 100.000 mortes e três milhões de casos confirmados de COVID-19.

Bolsonaro sempre minimizou os riscos da doença e foi contra as medidas de isolamento social recomendadas pelas autoridades sanitárias, apesar de ter contraído COVID-19 recentemente.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247