Em primeiro dia de campanha do segundo turno, Doria ataca Boulos: 'não invadimos, protegemos propriedades'

Aliado de Covas, Doria já inicia a campanha de ataques a Boulos, tentando tachar o líder do MTST como vândalo e invasor de terras

Guilherme Boulos e João Doria
Guilherme Boulos e João Doria (Foto: Twitter | Divulgação/Secom)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Reforçando a ideia da burguesia paulistana que vê o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) como uma organização de vândalos e invasores de terra, o governador de São Paulo, João Doria, no primeiro dia de campanha do segundo turno, já atacou o candidato a prefeito da capital Guilherme Boulos exatamente neste sentido.

"Ainda bem que somos bem diferentes. Nós não invadimos propriedades. Protegemos propriedades. Quero dizer que confio na vitória do Bruno Covas", disse Doria em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes nesta segunda-feira (16).

Doria também respondeu a tentativas de Boulos de associar o adversário Bruno Covas à imagem de Doria. "Recomendo que o Boulos se concentre na Prefeitura de São Paulo. Ele não está disputando o governo de São Paulo. Se ele entra na disputa para a Prefeitura pensando no governo, tem mais chances de perder do que ganhar", disse o governador que abandonou a prefeitura no meio do mandato para concorrer ao governo do estado.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247