Ivan Valente: desempenho do PSOL é uma resposta política contra o bolsonarismo e contra o Doria, o Bolsodoria

Para o deputado federal, o PSOL teve um “desempenho satisfatório” nas eleições municipais de 2020, “o que aumenta a responsabilidade de a gente pensar um projeto futuro de combate ao bolsonarismo e ao projeto neoliberal”. Assista na TV 247

(Foto: Michel Jesus - Câmara)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP) analisou na TV 247 o rendimento de sua legenda nas eleições municipais de 2020. Para ele, o desempenho foi “satisfatório”, com destaque para o avanço de Guilherme Boulos e Erundina para o segundo turno na disputa pela prefeitura em São Paulo.

Valente disse que o PSOL vem se consolidando ao longo dos anos por suas posições e decisões acertadas a favor da democracia. Ele destacou ainda que a diversidade presente entre os próprios integrantes da legenda tornou o grupo mais forte para suportar as derrotas pesadas que sofreu a esquerda brasileira nos últimos anos. “Acho que o partido tem procurado desde seu nascimento se afirmar como um partido programático, ideológico e ético. Acho que esse capital político se desenvolveu ao longo do tempo, e também por medidas muito acertadas. Nós fomos oposição ao governo do Lula em muitas coisas e ao governo da Dilma, por exemplo naquela questão das desonerações fiscais. Mas na hora em que se tentou um golpe de Estado contra a democracia nós estávamos posicionados para ser o partido que mais combateu o golpe. Nós sofremos uma grande derrota no País, e eu diria que, da esquerda, o PSOL é o partido mais preservado nessa história, e também porque ele diversificou, é o partido da diversidade. Seja na luta antirracista, anti-homofóbica, contra o machismo, ele acabou se destacando. Se você pegar os vereadores do Rio, nós temos representantes do que foi a onda Marielle. Em São Paulo se manifestou mais esse fenômeno da luta trans, antirracista. Em outros estados nós conseguimos também boas colocações. O desempenho do partido foi bastante satisfatório, o que aumenta a responsabilidade de a gente pensar um projeto futuro de combate ao bolsonarismo e ao projeto neoliberal”.

Para o parlamentar, no caso de São Paulo, a vitória parcial do PSOL reflete o êxito do partido no combate ao bolsonarismo e ao governador do estado, João Doria. “Esse desempenho do PSOL, particularmente em São Paulo, é uma resposta política de caráter nacional contra o bolsonarismo e contra o Doria, o Bolsodoria. Além da pandemia e do genocídio que o Bolsonaro está promovendo no Brasil, ele sofreu uma derrota eleitoral também”.

Inscreva-se na TV 247, seja membro e compartilhe:

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247