Janones foi acusado na polícia de perseguir homem com faca

Pré-candidato à Presidência negou que o caso tenha acontecido

www.brasil247.com - André Janones
André Janones (Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados)


Metrópoles - O deputado e pré-candidato à Presidência André Janones, do Avante, foi acusado em um boletim de ocorrência policial de perseguir um homem com uma faca em 2017 em Ituiutaba (MG), cidade natal do presidenciável. O documento foi registrado na Polícia Militar de Minas Gerais (PM-MG) por um casal que disse ter fugido de Janones. Janones negou que o caso tenha acontecido.

O boletim pelo suposto crime de ameaça foi registrado na noite de 31 de agosto de 2017 pelo empresário Rodrigo Rezende, que alegou ser a vítima. Sua mulher, a advogada Pauliana Rezende, constou como testemunha. Segundo depôs aos policiais, Rodrigo estava em um bar em Ituiutaba meia hora antes quando Janones se aproximou com uma faca. Até então advogado, Janones se elegeria deputado federal no ano seguinte.

Leia a íntegra no Metrópoles

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email