Judiciário decreta nova penhora nas contas do apóstolo Valdemiro Santiago

A Justiça de São Paulo decretou nova penhora nas contas bancárias do apóstolo Valdemiro Santiago, fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus. O motivo são as dívidas não pagas pela igreja

Valdemiro Santiago
Valdemiro Santiago (Foto: Marcos Corrêa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Justiça de São Paulo decretou nova penhora nas contas bancárias do apóstolo Valdemiro Santiago, fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus. É a segunda medida judicial determinada neste ano sobre as contas do apóstolo. O motivo são as dívidas não pagas pela igreja, que afirmou ter sofrido uma queda enorme na arrecadação dos dízimos dos fiéis na pandemia do coronavírus.

De acordo com o jornalista Rogério Gentile, foram penhorados R$ 17,5 mil das contas de Valdemiro para quitar um débito de quatro meses de aluguel de um apartamento utilizado por um pastor da igreja e sua família em Pereira Barreto, no interior paulista.

A igreja não contestou a dívida, mas disse ao Judiciário que o apóstolo não deveria responder pelo pagamento, sob o argumento que ele não faz parte da ação e o contrato conta com dois fiadores. 

Cabe recurso à penhora. 

Em agosto, outros R$ 246,6 mil foram penhorados por causa do não pagamento do aluguel de um dos seus templos.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247