Menina autista de três anos morre de Covid-19 em Santos logo após volta às aulas

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Santos responsabiliza prefeitura pela volta às aulas presenciais. Secretaria diz que menina era autista, tinha comorbidades e foi contaminada pelos pais em casa

(Foto: Reuters/Ueslei Marcelino)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Uma menina de apenas 3 anos, autista e aluna da escola municipal Leonor Mendes de Barros, em Santos, no litoral de São Paulo, morreu nesta quarta-feira (9), em decorrência da covid, após vários dias internada.

A retomada das aulas presenciais na cidade ocorreu no dia 3 de maio e, por conta disto, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Santos (Sindserv) denuncia que a menina pode ter contraído a doença na escola.

A Secretaria de Educação do município (Seduc), por sua vez, informa que a criança contraiu a covid-19 dos pais, que teriam adoecido antes dela.

Leia a íntegra na Fórum.

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email